segunda-feira, 5 de julho de 2010

Do fim-de-semana... e outras cenas

AVISO: Post tão gigante, tão gigante, mas tão gigante... que nem vou fazer a brincadeira de aumentar as letras...

Infelizmente o tempo para vir aqui não tem sido muito. No trabalho já não há “espaço”, quando dou por mim já deva ter saído, e em casa as prioridades são outras. Assim como assim, cá estou eu num instantinho para registar as novidades :-)

Este fim-de-semana foi bom, começou com cenas de gaja. As duas giraças cá de casa foram ao cabeleireiro; eu para fazer as unhas e sobrancelhas, e a Gajita para fazer companhia. Adorou o ambiente (ou não fosse gaja! LOL) e comportou-se lindamente. Quando chegámos fomos acordar o papá e fizemos colagens; o que ela adora fazer colagens :-)

Na brincadeira com o papá magoou-se num braço, coitadinha… foi de tal forma que ela não mexia o braço e sesta não foi mais de 45 minutos, com tantas dores. Quando acordou, ainda muito chorosa, queria que lhe fizéssemos tudo: dar o lanche à boca, tirar o cabelo dos olhos, despir as calças para ir fazer xixi… quando lhe disse que íamos sair, foi logo mudar de roupa. Cheia de vontade tirou a t’shirt esquecendo-se das dores horríveis que estava a ter… e foi aí que percebi a manha… a safada!

Disse-lhe que tínhamos umas voltas a dar e que antes de virmos para casa iramos ao Dr. para ele lhe dar uma pica. Entregou-se, claro: já não dói… eu sou forte… não é preciso… olha…

No domingo acordámos cheios de vontade de ir às actividades promovidas pelas “Barrigas de Amor”. Como o calor era muito decidimos ir depois da sesta… Ai que sesta boa! Foi tão boa que acordámos tarde demais e acabámos por não ir. Tenho pena, é capaz de ter sido bem giro, mas fica para outra vez :-)

Entretanto eu já recuperei a voz, mas estou na fase sexy. Tenho aquela voz ideal para hot lines: rouquidão ligeira, levemente nasalada... Só é pena não durar para sempre, senão bem que ponderava a hipótese de comprar uma linha dessas e fazer disso a minha vida profissional… Ui-ui! Ganha-se muito bem, LOL!

Euzinha: Então Rita, tiveste muito trabalho hoje? Resposta: Humm, háááá, hóóó, simmm, LOL!
Mim: Assunto seguinte por favor…

Ok… outras cenas: Acho divertido quando, à hora de almoço, 4 colegas de trabalho, todos homens falam sobre a Bimby; sobretudo quando um deles ensina os outro a fazer lasanha. É de morrer a rir. A pupilas aumentam e os movimentos da cabeça diminuem, o que é sinal de atenção. As perguntas soltas surgem, o que significa interesse. A lasanha desaparece, o que quer dizer que estava boa :-)

Euzinha: Mas quem tem a Bimby só sabe comer lasanha, ervilhas com ovos escalfados e leite creme de sobremesa?
Mim: Não sejas ridícula, essas são as principais receitas do livro que acompanha a maquineta…

Só mais uma cena: Fico chocada quando as mães despejam os filhos no parque infantil, e ficam calmamente a conversar com as amigas, do lado de fora. Não é que tenhamos de andar atrás dos nossos filhos, impedindo-os de se divertirem e até mesmo a gerar momentos constrangedores… não é nada disso!

O que presenciei foi uma mãe a colocar a filha de 2 anos no parque e dizer-lhe que fosse brincar. Virou costas. Foram mais de 100 vezes que o meu coração quis sair pela boca… a menina a subir as escadas do escorrega ia caindo para trás… quando a mamã se deu conta, às 101ª vez, resolveu dizer a outra criança, para aí com 6 anos, para tomar conta da mais pequena.

Mas espera aí… a miúda de 6 anos é que tem responsabilidade sobre uma de 2 anos, porque a mamã está conversar com as amigas? Não era suposto a criança ir divertir-se em vez de fazer de babysitter? Hello… ter filhos também é ter paciência e disponibilidade. Quem os fez que os ature!

Educar, amar, estar, ser, viver, mostrar, tocar e mais uma infinidade de verbos nascem no dia em que nasce o nosso filho. A mim também me falta a paciência! Há dias em que eu tenho a certeza que a Diana vai se filha única… pronto há dias assim… mas a falta de paciência não é o meu lema. Por isso, fecho os olhos, respiro fundo e peço a Deus que me dê mais força e disponibilidade para a minha filha. Para eu ser a melhor mãe possível e para tenha sempre o seu AMOR.

Quando abro os olhos, e depois deste pensamento, já estou calma e serena para continuar esta missão: ser mãe! Quando estou bem, chego a colocar a hipótese de um terceiro filho. Louca… não? :-)

Bem… vou trabalhar que o chefe já chegou!

** Gaja //

8 Comments:

  1. Sofia said...
    BEm...que fdsemana bommm :-)

    Para a próxima tb quero ir arranjar as unhas, tá????

    quanto aos filhos tb penso semelhante!

    Mas, se for para passar sacrifícios o Martim vai ser filho único!

    E, sabes que mais Amo ser mãe, não há mesmo nada melhor na vida!

    bjsss
    Mami said...
    Ainda bem que o fim de semana foi bom. A filhota já anda a ter as manhas todas para o miminho extra lol
    eu também me passo da cabeça quando vejo mães e pais a fazerem isso aos filhos, eles dão trabalho sim , mas vale bem a pena!Prefiro mil vezes estar perto da minha enquanto ela brinca do que estar na cusquice com as amigas...
    Beijos
    AVOGI said...
    a vida diária é tao stress ante que as maes precisam de descansar ao fim de semana , mas se calahr essa é daquelas que não trabalham, tb as há e despejam à mesma os filhos no parque e vão fumar um cigarro bem longe para fumo nao lhes chegar à cara. kis :(
    Dama das Camélias said...
    É mesmo assim mãe, é para tudo!! Também vejo muitas dessas por aqui... Mas foi um bom fds!

    Bjnh
    Anónimo said...
    Sem dúvida que requer trabalho e dedicação. Sem dúvida que muitas vezes nos esquecemos de nós para sermos só para eles. Mas, sem dúvida que é muito bom olharmos para trás e sentirmos que demos o nosso melhor e ouvirmos os nossos filhos, hoje adultos, dizerem: Vou adoptar com os meus filhos os teus métodos, pois foram bons.
    Há momentos que, ainda hoje, temo ter falhado em algumas coisas mas, efectivamente dei (e continuo a dar) o meu melhor. Não sou super mas tentei sempre... rsrsrsrs mas... não há ninguém perfeito...
    Por isso, querida, continua a dar o teu melhor, que vais por um muito bom caminho. Um dia verás que valeu a pena. Agora semeias. Um dia colherás (que já colhes) e quando a colheita é boa... como sabe bem... Beijinhos para todos
    Diário da Matilde said...
    Um fim de semana em cheio.

    Por aqui também vejo mães assim, eu brinco, pulo com a Matilde, gosto de ser criança quando brinco com ela, seja em casa ou no parque...mas enfim

    Beijinhos minha querida
    coquinhas said...
    Há mães e mãezinhas, é o que se diz!!! :( Um bjihnho mt grande assim em modo de fugida*
    carmo pinto said...
    tb ando a arranjar um dia só para mim...mas o gajo não quer que eu me afaste do puto! ele não morde! lol
    bem no que toca a manhas todos sabem a lição acho que já nasce com eles eheheh

    infelizmente vimos não só nos parques infntis como tb dentro dos c.comerciais (nas compras) os miudos atem abrem pacotes de babatas fritas,bolachas e bebidas e deixam nas pelos corredores claro que os pais não veem!

    é uma tristeza...
    jitos para voces
    bom trabalhinho

Post a Comment



Todos pensam em deixar um planeta melhor para os nossos filhos...

....quando é que pensarão em deixar filhos melhores para o nosso planeta?

Uma criança que aprende o respeito e a honra dentro da própria casa e recebe o exemplo dos seus pais, torna-se um adulto comprometido em todos os aspectos, inclusive em respeitar o planeta onde vive.